Relatório de gerência 2017

RELATÓRIO DE GERÊNCIA

 

Ex.mos Srs (as ) ,

 

     Em conformidade com o que está preceituado nos Estatutos Sociais e nos termos das disposições legais aplicáveis, submetemos à apreciação de V.Exas o Relatório de Gerência, o Balanço e as Contas referentes ao ano findo de 2017.

De seguida passaremos á análise de algumas rubricas mais significativas:

 

    RENDIMENTOS REFERENTES AO ANO 2017

    DISCRIMINAÇÃO

 

  • MATRICULAS E MENSALIDADES DOS UTENTES

O Total desta rubrica foi de 234.325,79€ (duzentos e trinta e quatro mil, trezentos e vinte e cinco euros e setenta e nove Cêntimos), sendo 151.690,78€ (cento cinquenta e um mil, seiscentos e noventa Euros e setenta e oito cêntimos) referentes a mensalidades dos Utentes do Lar, 31.175,40€ (trinta um mil cento setenta e cinco euros Euros e quarenta cêntimos) referentes a mensalidades dos Utentes do Centro de Dia e 48.250,08€ (Quarenta e oito Mil duzentos e cinquenta Euros e oito cêntimos) referentes a mensalidades provenientes do Apoio Domiciliário.

As quotizações dos utentes e refeições foram de 3.209,53€ (Três Mil duzentos e nove Euros e cinquenta e três cêntimos).

 

  • COMPARTICIPAÇÕES 

 As Comparticipações da Segurança Social atingiram um montante global de 143.450,20€ (cento quarenta e três mil, quatrocentos e cinquenta euros e vinte cêntimos), sendo 53.987,04€ (Cinquenta e três Mil novecentos e oitenta e sete euros e quatro Cêntimos) referentes a comparticipações para o Lar, 11.956,68€ (Onze Mil novecentos e cinquenta e seis euros e sessenta e oito Cêntimos) referentes a comparticipações para o Centro de Dia e 47.156,50 € (quarenta e sete mil cento e cinquenta e seis Euros e cinquenta Cêntimos) para o Apoio Domiciliário .

    As Comparticipações da Junta de Freguesia desta localidade e do IEFP, totalizaram 29.325,38 (vinte e Nove  mil trezentos e vinte cinco euros e trinta e oito cêntimos).

 

  • OUTROS RENDIMENTOS E GANHOS

O seu valor foi de 21.305,03 (vinte um  mil trezentos e cinco euros e três Cêntimos), sendo 546.40 (Quinhentos quarenta e seis euros e quarenta  cêntimos) referente a donativos e o restante referente a outros rendimentos obtidos ( fraldas e deslocações dos utentes).

 

CUSTOS REFERENTES AO ANO 2017

  • COMPRAS

 Os gastos efetuados em compras de matérias-primas, subsidiárias e de consumo registaram um valor de 67.000,00€ (sessenta  e sete mil euros) e refere-se a gastos em géneros alimentares.

 

  • CUSTOS COM O PESSOAL

Em relação aos valores em análise neste Ano, verifica-se que estes totalizaram 255.825,48€ (Duzentos e cinquenta e cinco mil oitocentos e vinte cinco euros e quarenta e oito cêntimos), sendo 206.535,86€ (duzentos e seis mil e quinhentos e trinta e cinco euros e oitenta e seis cêntimos) de Remunerações e o restante, referente a Encargos Sociais com a segurança social e seguros de acidentes de trabalho

 

  • DESPESAS GERAIS

Em relação às despesas gerais, o  total despendido durante o ano em referência foi de   66.910,16 (sessenta e seis mil novecentos e dez euros e dezasseis cêntimos).

Nesta Rubrica salientamos um gasto mais elevado  com  a eletricidade, combustíveis, ( gasóleo, Gás e Pellets nova lenha), Trabalhos especializados ( Médico e Enfermeiro), água, comunicação, conservação e Reparação, honorários, produtos de limpeza, higiene e conforto, seguros, etc….

 

  • INVESTIMENTO

Em relação ao Investimento efetuado por esta Instituição, há a referir  o aumento do nosso ativo tangível ( imobilizado) com a  Construção/ Adaptação  de mais um quarto,  triplo com três camas, sendo necessário a construção de um wc/casa de banho e aquisição de todo o mobiliário, remodelação da lavandaria e aplicação  de Iluminação de Emergência necessária em alguns espaços da nossa instituição,  pelo que o total despendido nesta  rubrica é de 15.006,23€ ( quinze mil seis euros e vinte três  cêntimos) .

 

  • CUSTO DAS MERCAD. VENDIDAS E MAT. CONSUMIDAS

O valor do custo das mercadorias vendidas e matérias consumidas  fixou-se em 67.000,00€ (sessenta e sete mil euros).

 

Assim,

 

Pelo exposto , complementando com os documentos seguintes, podemos  constatar que o Resultado Liquido Apurado foi positivo em   2.375,32€ (dois mil trezentos e setenta e cinco euros e trinta e dois cêntimos),

mesmo com enormes adversidades e num dificílimo contexto socio-económico, este resultado só foi possível ser alcançado praticando uma gestão diária eficaz, reduzindo nos custos supérfluos e controlando as receitas, ponderando as tomadas de decisões e cumprindo com as orientações técnicas e financeiras.

Estas práticas devem continuar a ser consolidadas para o sucesso desta instituição, pelo que podemos concluir que a situação Económica e Financeira mantém-se constante, esperando merecer a vossa Aprovação .

 

     Malpica do Tejo, 24 de Março de 2018

 

                     A GERÊNCIA                                                                                    

                  

 

 

 

 

 

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a utilizar o website, assumimos que concorda com o uso de cookies. Aceito Ler Mais